sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Prefeito interino pode ficar mais que o esperado

A observação do deputado federal Barbosa Neto, do PDT, na entrevista que ele concedeu hoje de manhã no Primeira Hora, me gerou um certo medo. O deputado afirmou que o futuro prefeito interino de Londrina pode ficar no cargo muito mais do que imaginamos, podendo achegar a um ano. Tudo depende da velocidade do TSE, do TRE e dos advogados de Belinati em possíveis novos recursos.
Neste sábado o advogado Nilso Paulo, especialista em direito eleitoral, vai nos esclarecer algumas duvidas no Primeira Hora. A entrevista está marcada para as 7:30 da manhã. Acompanhe.

5 comentários:

Marco Cito disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marco Cito disse...

Diogo, no blog no Renon, ele posta um vídeo do Ministro do TSE Marcelo Ribeiro dizendo que o Presidente da Camara pode ficar "um ano e meio, dois anos"...

Diogo Hutt disse...

Na manhã deste sábado o advogado Nilso Paulo afirmou, em entrevista ao Primeira Hora, que a demora pode chegar a isso se Belinati chegar a ser beneficiado por um efeito suspensivo.

Danilo Rafael disse...

E ai Diogo, o problema é que quem paga a conta é o povo.
Ser Prefeito provisório será um ótimo palanque pra 2010 e 2012, que coisa!!!
abç, boa semana

Diogo Hutt disse...

É Danilo, e neste caso não vamos pagar apenas com dinheiro, mas com quebra de continuidade de projetos e outras conseqüências..